Contato: + 55 54 3045-4070

Dermatologia

 

 

É considerado o primeiro passo para limpar a epiderme (camada superficial da pele) profundamente sem maiores agressões. Como órgão vivo, a pele reage de imediato ou a médio prazo a elementos agressores sujeitos ao longo do dia, que se depositam na superfície da pele obstruindo os poros.

A poluição do ar é um dos agentes mais agressor da pele, como a maquiagem, resíduos de cremes,células mortas, os famosos ‘pontinhos pretos e brancos’, excesso de suor e secreção sebácea.

Por essa razão, é natural que ao passarmos um algodão com demaquilante sobre a epiderme este venha sujo sem, muitas vezes, percebermos o porquê.A pele é sobrecarregada com todo este tipo de substâncias que acabam por se infiltrar nos poros, bem como em toda a superfície, formando uma ‘película’ invisível que funcionará como uma ‘barreira’, pois a pele precisa de oxigênio.

Snap_Chrome Legacy Window_04_A limpeza de pele pode ser feita em casa com os devidos cuidados ou mesmo em profissionais da área. Ambos os tratamentos de limpeza são importantes, mas conseguem objetivos diferentes. Enquanto que em casa a limpeza da pele com um demaquilante liberta a superfície epidérmica das substâncias que aí se depositam no dia a dia, a limpeza profissional é mais profunda, capaz de libertar os poros dos pontos negros e do excesso de sebo que se infiltra neles, libertar a epiderme de pontos brancos e evitar a acumulação de células mortas à superfície da pele.



Assim, tanto as peles mistas como as oleosas e as acneicas devem ser limpas cerca de uma vez por mês, para que se mantenham sempre bonitas e recebam de uma forma mais eficaz os seus tratamentos cosméticos específicos.

Dra Elisângela de Quevedo Welter – Dermatologista na Clínica Gastrobese

Para mais informações sobre esse assunto entre em contato conosco
Ligue : + 55 54 3045-4070
Página do Facebook : Clínica Gastrobese
Acesse nosso Bçog e fique por dentro: www.gastrobese.com.br/blog
Nosso canal no youtube