Blog

Não deixe para amanhã a consulta que você DEVE fazer HOJE!

Boa parte dos pacientes com sintomas não relacionados ao aparelho respiratório estão evitando ou adiando sua procura a atendimento médico. É importante dizer que, em casos graves e sintomas de alerta como disfagia (dificuldade para engolir), dor abdominal persistente, náuseas e vômitos (principalmente em pacientes pós-operatórios de cirurgia no trato digestivo) emagrecimento e sangramento nas fezes são motivos que devem, sim, levar o paciente a uma consulta médica.

Assim como, pacientes diabéticos necessitam fazer controle glicêmico. Se glicemias elevadas, mesmo assintomáticos, devem comparecer à consulta. A Obesidade precisa ser compreendida como uma doença crônica e deve ter seu tratamento, seja terapia medicamentosa ou cirurgia bariátrica, mantido e acompanhado, visto que se observa um número de óbitos por COVID-19 maior em jovens e obesos.

Sintomas de ansiedade, alterações de humor e cansaço excessivo também são motivos que podem necessitar de consulta para alinhar com um profissional da área a melhor forma de manejo dos sintomas. Geralmente tudo está associado ao momento de isolamento social, sem contar que os pacientes podem ter mais deslizes na alimentação neste período.

Em um artigo em 6 de abril, no The New York Times, o diretor do Yale New Haven Hospital, Dr. Harlan Krumholz, escreveu que “as emergências estão assustadoramente silenciosas, exceto pelos pacientes com Covid-19. Onde estão os pacientes com problemas cardíacos, derrames, apendicites e crises de vesícula? Ele constatou que o número de admissões por infarto agudo do miocárdio foi drasticamente reduzido, houve uma queda de 50% no número de cateterismos de emergência e um aumento de oito vezes o número de mortes por problemas cardiológicos no domicílio. Dr. Harlan ainda relata nunca ter atendido tão poucos pacientes com apendicite e diverticulite.

Pesquisas nos EUA, Europa e Ásia revelaram que muitos pacientes preferem ficar em casa, só buscando atendimento hospitalar depois da piora de sua condição. Está claro que a comunicação com a sociedade precisa ser revista, pois as outras doenças não desapareceram, e os pacientes estão chegando tardiamente e mais graves.

Portanto, diante de sintomas de alerta, não adie sua consulta, os médicos da Gastrobese estão disponíveis para atendimento presencial ou telemedicina.

Não deixe para amanhã a consulta que você DEVE fazer HOJE!

 

Open chat